Notícias
Professores denunciam 209 casos de covid-19 na volta às aulas. Doria fecha sete escolas

Professores denunciam 209 casos de covid-19 na volta às aulas. Doria fecha sete escolas

10/02/2021
Fonte: Rede Brasil Atual
Compartilhar: Whatsapp

Desde o planejamento da volta às aulas, iniciado no dia 1º, a Apeoesp vem registrando casos de covid-19 entre professores e trabalhadores da educação

O Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp) contabilizou, até segunda-feira (8), 209 casos de covid-19 entre professores e outros trabalhadores da educação na rede estadual, em 97 escolas paulistas. O governo João Doria (PSDB) não comenta os dados levantados pelos docentes, mas fechou sete escolas essa semana por casos suspeitos ou confirmados de covid-19.

Os professores estão em greve contra a volta às aulas em meio à pandemia do novo coronavírus, mantendo apenas as atividades de ensino remoto. No decorrer de hoje  (10), a Apeoesp vai realizar assembleia defendendo o cancelamento da volta às aulas presenciais e a ampliação do programa de vacinação, com prioridade para os professores.

Os professores da rede estadual destacam a greve com uma ação sanitária, em defesa da vida e contra a covid. Segundo a Apeoesp, as escolas não foram adequadamente estruturadas como diz o governo Doria. Muitas delas ainda não tiveram sequer as reformas concluídas. Dentre os principais problemas estão a pouca ventilação das salas, espaços pequenos, aglomeração na entrada e na saída das aulas, álcool em gel vencido, falta de banheiros, entre outros. Nesta semana, as escolas podem receber até 35% dos estudantes por sala.